Área restrita

Mercado Imobiliário: Saiba tudo sobre o INCC

Para cada categoria de financiamento, existem diferentes taxas, impostos incidentes e juros no que se refere a operação. Quando se trata de mercado imobiliário e a construção civil, um dos índices de maior importância é o INCC ou Índice Nacional de Custo de Construção.

 

Entenda o que é INCC

De modo geral, o INCC é o índice que mede a variação dos preços de materiais, mão-de-obra e matéria prima da construção civil. Ele está entre os três componentes do Índice Geral de Preços (IGP), sendo assim, correspondem a 10% de sua composição. 

O INCC foi o primeiro que oficialmente fez parte dos custos da construção civil no Brasil, e foi se tornando o principal indicador de custos na área no país.

Esta taxa é divulgada em três modalidade de extrema importância, sendo elas:

INCC-DI (Índice Nacional de Custo de Construção – Disponibilidade Interna)

Esta modalidade se refere à evolução dos custos presentes na construção civil em um período que abrange o primeiro e o último dia do mês de referência. Sua composição está em 10% do IGPI – DI (Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna).

INCC-10 (Índice Nacional de Custo de Construção – 10)

a modalidade em questão corresponde ao cálculo referente a evolução dos custos presentes na construção civil. O índice é compreendido entre os dias onze do mês anterior e dez do mês de referência. Compõe 10% do índice IGP-10 (Índice Geral de Preços – 10).

INCC-M (Índice Nacional de Custo de Construção – Mercado)

Extremamente importante, o índice em questão envolve o cálculo da evolução dos custos da construção civil entre os dias 21 do mês anterior e vinte do mês no qual se refere. Sua composição é de 10% do IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado).

O principal objetivo do INCC é prover uma estatística de caráter contínuo, sendo este o índice acumulado que se mede de maneira mensal entre o primeiro e o último dia de cada mês civil.

 

Como o INCC é calculado

O INCC é calculado mensalmente pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), que obtém os dados por meio de orçamentos analíticos de organizações que atuam com engenharia civil.

O índice nacional é constituído de acordo com a média considerada à partir dos dados que se coletam nas sete cidades que são analisadas, combinando o sistema de preços com o sistema de pesos.

Este cálculo ocorre de forma recorrente, pois é utilizado como base para o reajuste do valor dos imóveis habitacionais em construção. É preciso que o INCC acompanhe o aumento do preço dos materiais, mão-de-obra e matéria prima, uma vez que podem sofrer alterações ao longo da obra.

 

Onde INCC se aplica

O INCC é aplicado nos casos onde há financiamento do imóvel em construção. Ao decidir financiar um negócio ainda na planta, não é cobrado apenas um apartamento, mas também, a construção do empreendimento. 

Essa obra ainda em construção está sujeita a mudanças nos custos dos materiais que serão utilizados e, assim, o INCC é utilizado para que haja o devido reajuste do saldo devedor no decorrer dessa fase. Se o comprador optar pelo pagamento à vista, não sofrerá esse reajuste.

Para quem optar por uma entrada com o financiamento do valor restante, o INCC será incidido sobre todo o saldo devedor, até o seu quitamento total. Logo, o valor do montante final do imóvel não será o mesmo da assinatura do contrato de compra e venda. 

É muito importante para o comprador estar atento a este detalhe, pois esta alteração nos valores pode pegar muitos de surpresa, uma vez que, caso não se planejaram para incluir essa cobrança em seus orçamentos podem ter dificuldades em seu pagamento.

 

Se você está em busca de um apartamento ideal, conheça os empreendimentos RL Costa. 

Converse com um dos nossos consultores pelo telefone (31) 99228-3113 e conheça as vantagens e qualidades de nossos empreendimentos.

 

Leia também → Financiamento imobiliário: conheça os documentos

Para receber mais dicas e informações, siga nossas páginas nas redes sociais: Facebook e Instagram.