Área restrita

Mercado Imobiliário: Melhor investimento no cenário atual

Se você está considerando a ideia de adquirir um imóvel para morar ou investir, é importante levar em conta diversas informações para saber identificar o momento certo para fazer um bom negócio com segurança. 

Mesmo neste momento de instabilidade, o setor imobiliário brasileiro está ganhando mais força e voltando a se mostrar lucrativo para os investidores que desejam ganhar dinheiro com as oportunidades do mercado.

 

O cenário ideal para investir em imóveis

 

São diversos os fatores que tornam a compra de imóvel atrativa para o cliente / investidor.

O investimento é feito com base em uma análise de variáveis econômicas, financeiras e de rentabilidade, tais como: indicadores positivos do PIB (Produto Interno Bruto), geração de empregos, inflação controlada, queda da taxa básica de juros (Selic), entre outros.

O cenário atual de baixa de juros ajuda a aumentar as vendas de imóveis e a procura por aluguéis, reaquecendo o mercado imobiliário. 

A rentabilidade, o custo do financiamento, a solidez e o momento propício a boas negociações colocam o imóvel na mira dos investidores

Segundo especialistas, este é um cenário melhor que a alguns meses atrás, por isso, para quem possui uma reserva financeira, este é um excelente momento para aproveitar descontos e outro benefícios.

Mas, para quem não possui a reserva financeira, e precisa de crédito, também pode ser um bom momento, pois o crédito está aberto para a maioria das pessoas e interessa aos bancos concedê-lo.

 

Juros mais baixos facilitam o financiamento

 

Em junho de 2020 a taxa básica de juros (Selic) chegou ao seu menor nível histórico: 2.5% ao ano. E a previsão é que até o final de 2020 fique no mesmo patamar.

A redução da Selic melhora as condições para os financiamentos imobiliários e deixa o investimento em imóveis cada vez mais atrativo.

Não é somente o valor de compra e venda de imóveis que são afetados pela redução da Selic, os aluguéis também sofrem variação, causando maior ou menor procura por imóveis para alugar.

A junção de todos esses fatores constroem um cenário que se mostra muito positivo, e, consequentemente, melhora a confiança dos compradores para investir. 

Esse crescimento na compra de imóveis  impulsiona as obras das construtoras que faz com que o mercado imobiliário seja reaquecido.

 

Porque investir em imóveis?

 

Destinar uma parte das finanças pessoais para para investir em imóveis, no momento atual, tende a ser uma boa escolha, tornando a compra mais lucrativa e rentável. Mas para ser lucrativo, o investimento em imóvel deve ser bem analisado. 

Além das variáveis econômicas e financeiras, é importante considerar a localização do empreendimento, sua estrutura, se é novo ou usado, se precisa de reparos e também sua possível valorização a longo prazo.  

Estes aspectos impactarão diretamente na rentabilidade que o imóvel proporcionará, principalmente tendo em vista o lucro mensalmente gerado com o aluguel que será cobrado do inquilino.

Dependendo das condições, um imóvel alugado pode ser mais rentável que um investimento de renda fixa. Em média, o aluguel mensal pode corresponder ao valor de 0,5% a 1% do valor total do imóvel, por exemplo, uma casa que custa R$ 500 mil poderá ser alugada pelo valor de R$ 2,5 mil.

Se você está em busca de um apartamento ideal na hora de investir em um imóvel, procure um empreendimento confiável para realizar todo processo de forma segura. 

Conheça os empreendimentos RL Costa, converse com um dos nossos consultores pelo telefone (31) 994520591 e conheça as vantagens e qualidades de nossos apartamentos.

 

Leia também → Financiamento imobiliário: conheça os documentos

Para receber mais dicas e informações, siga nossas páginas nas redes sociais: Facebook e Instagram.